Noticias

Pista lateral da Avenida Brasil será liberada neste sábado

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Transportes (SMTR), da Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio de Janeiro (CET-Rio), da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp) e da Concessionária Porto Novo, informa que pista lateral da Avenida Brasil, sentido Centro, será liberada ao tráfego no trecho entre a Rua Sá Freire e a Rua Monsenhor Manuel Gomes a partir das 8h deste sábado (17/05). Com o avanço da obra da subadutora do Reservatório do Pedregulho para ligação com o novo Reservatório do Morro do Pinto e do Morro de São Bento, importante equipamento de infraestrutura das obras do Porto Maravilha, o trecho será reaberto.

As ruas Sá Freire (entre as ruas do Bonfim e Conde de Leopoldina) e a Rua Conde de Leopoldina (entre a Rua Sá Freire e a Rua Monsenhor Manuel Gomes) terão seus sentidos invertidos, voltando à situação normal de tráfego. O trecho que continuará interditado da Avenida Brasil é da Rua Monsenhor Manuel Gomes à Rua Santos Lima (Rua da Igrejinha), com desvio pelas ruas Monsenhor Manuel Gomes e Santos Lima (Rua da Igrejinha), que continuarão com o sentido invertido.

A operação de trânsito para liberação do trecho terá a participação de 10 controladores de trânsito. O Centro de Operações Rio (COR) fará o monitoramento de toda a região.
Alteração de itinerário de linhas de ônibus.

As linhas regulares de ônibus que circulam na pista lateral da Avenida Brasil no trecho interditado deverão praticar o seguinte desvio de itinerário: …, Avenida Brasil (pista lateral), Rua Monsenhor Manuel Gomes, Rua Santos Lima, Avenida Brasil, …

Linha 210 (Cajú x Praça XV) deverá permanecer operando o seguinte itinerário, com destino ao centro — Itinerário: …, Viaduto Ataulfo Alves, Rua Boituva, Avenida Brasil, Rua Bela, Rua General Bruce, Rua Monsenhor Manuel Gomes, Rua Santos Lima, ….

Sobre a construção da nova rede de água na Região do Porto Maravilha

O reservatório do Morro do Pinto, construído pelas obras do Porto Maravilha, tem capacidade de armazenar 15 milhões de litros de água e vai abastecer toda a Região Portuária. Será o terceiro maior da cidade (os primeiros são o do Pedregulho, perto do Vasco; e o dos Macacos, no Horto Florestal), com potencial para atender população de até 500 mil pessoas.