Noticias

Operação Lei Seca intensificará ações na Copa do Mundo

lei seca copa

A Operação Lei Seca (OLS), da Secretaria de Governo, vai intensificar a sua atuação na Copa do Mundo. Todo o efetivo estará à disposição, nos dias de jogos da Seleção Brasileira, realizando ações de conscientização e fiscalização, de dia e à noite. Cerca de 250 agentes vão percorrer áreas estratégicas da Região Metropolitana e de cidades de médio porte do interior, levando a mensagem da campanha. Símbolo do projeto, o tradicional balão da OLS ganhará tons de verde e amarelo e aparência de uma bola de futebol, em referência ao Mundial.

– As campanhas educativas vão acontecer antes das partidas do Brasil, em locais com grande concentração de torcedores. As blitzes terão início imediatamente após o término dos jogos. Ou seja, serão realizadas fora do horário convencional, ainda com o dia claro – disse o coordenador da Operação Lei Seca, tenente-coronel Marco Andrade.

O planejamento das ações da OLS para a Copa inclui nove equipes de fiscalização, com cerca de 200 agentes, e cinco de educação, compostas por 50 pessoas, incluindo voluntários cadeirantes. Os motoristas receberão material informativo, ventarolas e adesivos destacando os riscos da mistura de álcool e direção.

– O objetivo é lembrar que é importante comemorar, mas com segurança – afirmou Marco Andrade.

Os jogos no Maracanã também vão merecer atenção especial. Nos demais dias, a OLS mantém seu cronograma inalterado.