Naufrágio deixa pelo menos 22 mortos e 33 desaparecidos na Indonésia | RJ notícias - Ultimas noticias RJ - Esporte - Politicia - Dicas - Entretenimento
Noticias

Naufrágio deixa pelo menos 22 mortos e 33 desaparecidos na Indonésia

 Pelo menos 22 pessoas morreram, 33 continuam desaparecidas e 25 sobreviveram ao naufrágio de um barco na Indonésia, com o qual tentavam alcançar a costa australiana para pedir asilo.

Quatro crianças morreram no acidente, que ocorreu nessa sexta-feira (27/09) ao sul da Ilha de Java. As operações de busca e salvamento eram dificultadas, às primeiras horas de hoje, pelo estado do mar, de acordo com a rádio australiana ABC.

A bordo da embarcação seguiam cerca de 80 imigrantes ilegais procedentes do Líbano, Iraque e Paquistão, segundo dados das autoridades indonésias, apesar de a imprensa local informar que eram 120 passageiros.

“Para se salvar, os sobreviventes nadaram até a costa de Agrabinta, a cerca de 200 metros de distância de onde naufragou a embarcação”, explicou Haris Bahtiar, representante das autoridades locais, citado pela agência de notícias da Indonésia.

O naufrágio ocorreu um dia depois de outra embarcação, com 44 pessoas, ter sido resgatada pelas autoridades marítimas australianas.

Entre janeiro e agosto, 218 embarcações com 15.182 refugiados a bordo, a maioria imigrantes do Afeganistão, de Bangladesh, do Iraque, Irã e Sri Lanka, tentaram entrar ilegalmente na Austrália para pedir asilo, o que provocou um debate no país sobre políticas a serem adotadas para responder aos crescentes fluxos migratórios.

O novo primeiro-ministro, o conservador Tony Abbott, anunciou recentemente que os imigrantes ilegais que chegassem de barco não seriam mais aceitos no país.

O chefe do governo australiano viaja segunda-feira (30) para a Indonésia. Ele vai pedir, entre outras coisas, maior cooperação entre os países na área de imigração. É a primeira viagem oficial ao estrangeiro desde que assumiu a chefia do governo de Camberra.