Destaques

Peregrinos sofrem com transporte no Rio de Janeiro

jmj1

Houveram falhas no transporte na última terça-feira (23/07) no Rio de Janeiro. O metrô sofreu uma pane e, no fim da festa em Copacabana, os fiéis enfrentaram longas filas nos pontos de ônibus.

No primeiro dia da Jornada Mundial da Juventude, muitos peregrinos enfrentaram problemas com os transportes do Rio. Durante a madrugada, dezenas deles ficaram longas horas esperando por ônibus e vans em um ponto da Avenida Brasil.

Às duas da manhã, o ponto ainda estava cheio. Depois de muita reclamação, um carro da polícia parou no ponto. Os peregrinos reclamam que os ônibus não estão parando e os policiais disseram que iam ajudá-los a embarcar. Na falta de ônibus, os agentes abordam Kombis, vans e conseguem, aos poucos, embarcar os fiéis.

Mais cedo, o problema foi o metrô. A circulação foi suspensa por volta de 16h30, três horas antes da missa de abertura da Jornada Mundial da Juventude, em Copacabana. As duas linhas foram afetadas e todas as estações precisaram ser fechadas.

Passageiros desembarcaram no meio do caminho e tiveram que andar pelos trilhos. Só por volta das 18h30 as estações começaram a reabrir. Houve confusão.

Segundo o Metrô Rio, o problema aconteceu por uma falha no fornecimento de energia.

A Prefeitura do Rio informou que vai convocar os representantes dos consórcios das empresas de ônibus para darem esclarecimentos.