Destaques

Dom Orani Tempesta pede paz e fraternidade nos Jogos Olímpicos

sam_1620

O arcebispo do Rio de Janeiro, cardeal dom Orani Tempesta, pregou a paz e a fraternidade durante os Jogos Olímpicos da cidade, que serão abertos oficialmente na sexta-feira (5). O líder religioso participou na noite de hoje (3) da iluminação do monumento do Cristo Redentor com as cores da bandeira da Itália, com a presença do primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi.

“O costume e a tradição da Olimpíada são justamente 100 dias de paz. Isso depende de cada um, de se abrir ao entendimento e à cultura do encontro. É muito bom ver as nações que muitas vezes politicamente estão em guerra umas com as outras, no esporte estão juntas em uma mesma disputa, sabendo que a gente pode conviver e ter a cultura do encontro. Cabe a nós fazermos bem este momento em que recebemos tantas pessoas do mundo inteiro e somos olhados pelo mundo”, disse dom Orani.

O cardeal deu as boas-vindas aos atletas e visitantes que virão à cidade para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos. “Que todos sejam bem-vindos ao Rio de Janeiro, que tem um povo acolhedor. As pessoas terão alegria de receber tanto atletas quanto visitantes. Sabemos que poucos irão ficar em primeiro lugar, mas todos poderão fazer o bem, além do fato de ganhar ou não medalhas. Que tenham uma bela experiência de encontro e que seja o Rio de Janeiro um lugar de fraternidade, que leve para o mundo a possibilidade de uma convivência de paz.”

sam_1566

O primeiro-ministro italiano destacou a beleza do monumento do Cristo e a relação fraternal entre os dois povos. “Há uma ligação forte, de grande amizade entre os nossos povos. É importante ter a benção [de Cristo], que possa iluminar do alto uma cidade como o Rio de Janeiro”, disse Renzi.

A iluminação especial de hoje do Cristo Redentor foi patrocinada pela Pirelli, empresa italiana que também colabora com a manutenção habitual do monumento.

 

(Fonte Agência Brasil)