Noticias

Rodoviários do Rio irão fazer greve de 24 horas a partir das 0 horas de 28-05

Os rodoviários do município do Rio de Janeiro decidiram parar o trabalho, durante 24 horas, a partir da meia-noite de hoje (27). A decisão foi tomada em assembleia da categoria, realizada no final da tarde em frente à Igreja da Candelária, no centro da cidade. Após a assembleia, os trabalhadores seguiram em passeata pela Avenida Presidente Vargas até a Central do Brasil.

Os rodoviários são contra o acordo fechado em abril pelo sindicato dos motoristas e cobradores com as empresas de ônibus, que garantia reposição salarial de 10%. Os trabalhadores argumentam que o sindicato fechou acordo sem ouvir o conjunto da categoria.

Eles reivindicam aumento de 40%, cesta básica no valor de R$ 400 e o fim da dupla função, quando o motorista também cobra a passagem. Com isso, o salário de motorista sairia de R$ 1,8 mil para R$ 2,5 mil e o de cobrador, de R$ 1.080 para R$ 1,4 mil.

As empresas argumentam que já negociaram com os trabalhadores, por meio do sindicato da categoria. O secretário-geral do sindicato dos rodoviários, Antonio Bustamanti, compareceu à assembleia e disse que a greve tem cunho político. Ele alertou que trabalhadores podem sofrer represálias com a paralisação. A presença de Bustamanti acabou provocando tumulto e ele precisou ser retirado com proteção policial.

 

 

(Agência Brasil)

1 comentário em "Rodoviários do Rio irão fazer greve de 24 horas a partir das 0 horas de 28-05"

  1. bom dia ana paula eu sou rodoviario ,vou esclarecer algumas verdades que vcs não conhecem,a rio ônibus ,o sindicato dos rodoviarios e o prefeito eles mudaran a nossa data base q era em março para junho e não nos comunicaram nada,agora resolveram antecipar o nosso dissidio por causa da copa vamos a verdade (1) o prefeito isentou as empresa de transporte coletivos de icms,ou seja lucros de 33 milhões por ano,ou seja da para empresarios e tira dos trabalhadores que não tem saúde,segurança e educação,(2) só no municipio do rio foram demitidos mas de 20 mil cobradores,lucros que variam de 500 mil à 1500 milhão por mês, (3) porque a cesta do sindicato que nos representa e de 475 reais e tem plano se eles nos representam temos que ter os mesmos direitos,mas a nossa luta maior e pelo fim da jornada dupla e manutenção dos cobradores,essa e a verdade que eles não dizem para a imprensa, gratos a todos por esse espaço nota 10.