Manifestantes relatam que a polícia esperou o Papa sair do Palácio Guanabara para atacar

Após a Cerimônia de recepção do Papa, manifestantes que estavam nas Laranjeiras foram atacados por bombas de efeito moral por parte da polícia.

Segundo relatos, após uma ligação que provavelmente tenha sido para informar que o Papa já estava distante e que a Presidente Dilma já havia ido embora no helicóptero presidencial, que começaram os ataques da polícia sem que tenha tido nenhuma ação de vandalismo por parte dos manifestantes.

Os manifestantes se encontram no Largo do Machado em concentração neste momento (20h).

Segundo informações, o Bope está a caminho para reprimir a manifestação.

Há o relato de que houve um rapaz que tomou um tiro de arma letal na perna esquerda na Praça São Salvador e manifestantes estão reclamando dos tiros de bala de borracha à queima roupa.

Policiais estão reprimindo a mídia independente estão predendo sem motivos após serem revistados e nada ser constatado, talvez seja pelo fato de estar mostrando a verdade do que está ocorrendo nas ruas do Rio.