Noticias

9 PMs são presos por apoiar traficantes na invasão na Cidade Alta

Estão presos no Batalhão Especial Prisional (BEP) os nove policiais militares suspeitos de terem recebido propina para apoiar a invasão de criminosos na Cidade Alta, Zona Norte do Rio, na madrugada de 2 de maio. As informações foram confirmadas neste sábado (10) pela assessoria de imprensa do Ministério Público do Rio, que teve o pedido de prisão temporária aceito pela Justiça na quinta-feira (8).

Os PMs são do Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE) do 16º BPM (Olaria) e a investigação do Grupo de Atuação Especializada em Segurança Pública (Gaesp) teve apoio da Corregedoria da PM. Além da prisão, a juíza Tula Mello, da 2ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio, decidiu ainda quebrar os sigilos bancários e fiscais, além de bloquear os bens dos PMs investigados.

Os presos são os sargentos: Anderson Nandler S. do Nascimento, Fábio Costa da Silva, Antônio Carlos da Cruz, Ricardo Justino Lopes de Medeiros, Marcelo Augusto Cardoso Pereira, Marcelo Theodoro Miranda, Gilmar Baptista dos Santos, André Luiz Ferreira da Silva e Janderson Pereira Anacleto.