Noticias

Dona de terreiro fez ” macumba” para agentes da Lava Jato

Esta amarrado em nome de Jesus

Uma “macumba” contra agentes das operações Lava Jato e Calicute teria sido encomendada por Michele dos Santos Linhares, esposa do agente fazendário Ary Filho, preso na Operação Mascate, da Polícia Federal, em fevereiro passado, no Rio de Janeiro.

Conforme o relatório das provas apreendidas e identificadas como 09/2017, Michele teria pedido à  dona de um terreiro de macumba chamada Neide que “cuidasse” dos investigadores e de outras pessoas que queriam prejudicar a ela e ao marido.

O relatório, assinado pelo delegado federal Fernando Maia Menezes e publicado pelo colunista Ancelmo Gois, recuperou conversas de WhatsApp em dois celulares apreendidos na operação Mascate , que determinou a prisão de Ary. Ele foi apontado pelo Ministério Público Federal (MPF) como um dos principais operadores financeiros do ex-governador Sérgio Cabral.