Noticias

Ciclovia Tim Maia é interditada

1059897-1014902-_dsc497221.04.2016_

A Ciclovia Tim Maia, no Rio de Janeiro, que há pouco mais de um ano teve um trecho destruído pelas ondas do mar, matando duas pessoas,  foi interditada na madrugada de hoje (5). De acordo com o Centro de Operações Rio, da prefeitura, o bloqueio abrange o trecho entre São Conrado, na zona sul, e a Barra da Tijuca, na zona oeste.

O local foi fechado após o registro de ondas com mais de 2 metros de altura e período de pico maior do que 15 segundos. O trecho da ciclovia foi fechado mesmo sem haver aviso de ressaca da Marinha.

O desabamento de parte da Ciclovia Tim Maia ocorreu em 21 de abril de 2016, três meses depois de sua inauguração, ocasionado por uma ressaca. O incidente matou Eduardo Marinho Albuquerque, de 54 anos, e Ronaldo Severino da Silva, de 60 anos. Em julho do ano passado, a Justiça aceitou a denúncia do Ministério Público contra 14 pessoas pela queda de trecho da ciclovia. Os acusados vão responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

De acordo com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) do Rio de Janeiro, a ciclovia tem problemas estruturais em vários pontos e apresenta sinais precoces de deterioração. Segundo a entidade, houve falhas na construção.